Thursday, February 11, 2010

NOVA TEORIA DA LIBERTAÇÃO

DA CLAUSTROFOBIA A LIBERTADOR DO FUTURO

Tudo indica que o pessoal que anda há tempos, mais ou menos subtilmente, a clamar por um salvador já tem um candidato possível. Rangel propôe um desígnio para Portugal: libertar e salvar o futuro pelos valores, autoridade e normalização do país. E dada as degradações lancinantes, em todas as frentes da actual sociedade portuguesa, um dever moral e uma responsabilidade nacional o obriga a candidatar-se contra o que era a sua vontade. Uma graça oracular fez-lhe chegar à consciência um apelo cívico e moral categórico para libertar os portugueses das grilhetas do futuro, do desconhecido.
Já não se usa falar na pátria e a bem da nação como antigamente mas, os tais catastrofistas tremendistas que sentem o país a desaparecer uns, a apodrecer outros, a afundar-se outros tantos, não deixarão de subentender no desígnio para-religioso "libertação do futuro", a salvação.

Labels: ,

0 Comments:

Post a Comment

<< Home