Tuesday, April 09, 2013

9 DE ABRIL HÁ 95 ANOS

VERSO E REVERSO DE UM FRANCO DESSE TEMPO SOB A FORMA DE MEDALHA TRAZIDA COMO RECORDAÇÃO DA GUERRA 1914-1918 
  


















 "A 9 de Abril, depois de um bombardeamento que durou vinte e quatro horas, iniciou-se a Batalha de La Lys.
Catorze divisões alemães atacaram numa frente de dezaseis quilómetros. Como sucedera no Somme três semanas antes, os britânicos foram obrigados a recuar. E o mesmo sucedeu a uma divisão portuguesa, contra a qual os alemães enviaram quatro divisões, fazendo 6000 prisioneiros portugueses e conseguindo abrir uma brecha de sete quilómetros na linha britânica. O bombardeamento inicial de artilharia dos alemães foi de tal forma feroz, que um batalhão de portugueses se recusou entrar nas suas trincheiras. 
E criou-se ainda mais confusão quando foram descarregadas 2000 toneladas de gás de mostarda, fosgénio e dedenilcloroarsina contra as forças britânicas, incapacitando 8000 homens, dos quais muitos ficaram cegos e matando trinta"  

Martin Gilbert in "A Primeira Guerra Mundial"

Nesse dia 9 de Abril de 1918 e naquelas trincheiras, entre muitos Soldados dos Gorjões e arredores, estava o meu Pai. Um dos 8000 homens incapacitados pelo gás mostarda foi o gorjonense José Pinto Pires, primo de meu Pai, mais tarde conhecido como o "Zé da Barba Pinta", tratado por "gaseado" e maluquinho que passava o dia na estrada para trás e para a frente com uma saca às costas onde às vezes alguém metia um pouco de pão lá dentro.

Além da homenagem devida aos combatentes dessa guerra e desse dia trágico é também bom recordar, no tempo actual e nos dias que correm, que os alemães quando atacam não deixam dúvidas e é para nunca mais poder ser esquecido.

Labels: ,

0 Comments:

Post a Comment

<< Home