Wednesday, March 27, 2013

Na entrevista da repórter da RTP nos EUA ao Gaspar esta perguntou taxativamente se o ministro podia garantir que os depósitos bancários dos portugueses estavam a salvo de uma medida da "Europpa" sobre Portugal como acontecera no Chipre.
O manhoso Gaspar respondeu que, cito de memória, "os portugueses podiam contar com a solidez da banca portuguesa".  A resposta é uma não resposta, uma fuga à questão concreta posta.
O problema grave não é a solidez ou não da banca portuguesa mas sim a solidez da palavra do ministro e a solidez dos seus conhecimentos e capacidade para dirigir o nosso país.
Pelo que fez e foi visto até aqui tudo indica que a sua evasiva resposta afinal responde em cheio à ideia já assimilada de que, em último recurso, vai ao confisco das contas depositadas nos bancos.
Se já aprovou o confisco uma vez ... logo? Um dia virá informar os portugueses, com a ratice das palavras soletradas, que não devem espantar-se pois não estava dando qualquer novidade. 

Labels: , ,

0 Comments:

Post a Comment

<< Home