Sunday, January 23, 2011

MARAFAÇÕES LXXX

1. - Barreto, pingo doce azedo
Ontem, de passagem por plano inquinado, ouvi A. Barreto, pingo doce para o Soares patrão e azedo para o Soares político, dizer que:
Quando chegava a meio da leitura dos artigos semanais do Soares político, já estava enauseado com as opiniões expressas. E acabou por dizer que: - "Mário Soares não tem legitimidade para dizer o que dizia"-.
Mas qual é, agora, a democracia pretendida por AB? A ele AB é legítimo ter a opinião de dizer quanto lhe vai na alma e o de nunca contradizer o reaccionarismo do Soares patrão, contudo ao Soares político não lhe reconhece legitimidade para ter opinião livre.
Já apelidou Sócrates de fascista por não deixar fumar charutos à vontade, e pela marcha às arrecuas que trilha, ainda chega à conclusão que a actividade de Soares contra o salazarismo e depois em defesa da demoracia, foi sociológicamente uma mal feitoria contra os portugueses.

2. - Jardim de madeira
Há pouco acabei de ver na tv, de novo nada de novo, o recém-restabelecido AJJ afirmar: - " que mal fizemos a Deus para nos dar um tal mau estado do país?"-.
Era mesmo a calhar responder: e que mal fez ele a Deus para lhe dar um ameaço de morte através de um AVC?
Não era?.

Labels:

0 Comments:

Post a Comment

<< Home